• Karina Ferraciolli

Humanização de Redes Sociais - Porque nós adoramos um contato mais próximo!

Atualizado: 9 de Jan de 2019


Nessa era cibernética em que estamos a um clique da informação nos pegamos cada vez mais entretidos atrás de uma tela, do que ao redor de uma mesa de bar conversando.

Hoje nós temos grupos de #WhatsApp para trocar ideia, se queremos saber novidades de alguma pessoa olhamos em seu #Instagram e caso precisemos de recomendações sobre um serviço, produto ou marca jogamos na #Web. Dizem que estamos na época em que o império individualista comanda, mas nós seres humanos sempre conseguimos nos conectar, formar #fóruns, #comunidades, redes sociais onde interagimos e trocamos experiências📱.

Ka, onde uma #marca, ou uma #loja entram nessa história?


Meus caros, vamos as verdades.

Como dizem muitos estudiosos e antropólogos, o ser humano não foi feito para ficar sozinho, mesmo nesses tempos loucos, onde muitas vezes, estamos mais com nossos celulares do que com amigos e familiares, damos um jeito de #interagir, trocar ideia, bater um lero, nem que seja de telinha para telinha. Então, com o ser humano apresentando cada vez mais a necessidade de interação e informação, nestes tempos #cyberpunks, eu lhe pergunto: Quem são as marcas?

As #marcas hoje que só pensam em vender produto, que só fazem propaganda quadrada e apenas pensam em promoção, não estão com nada😉! Atualmente, a sua #empresa precisa mais do que nunca ter voz, ter um discurso coerente, demonstrá-lo por meio de seu visual e promovê-lo. Tem que, não só vestir a camisa, mas também ensaiar a coreografia, dançar e repassar a dança para os seus #seguidores!


Como diria o pai do #marketing Philip Kotler em seu livro Marketing 4.0, cada vez mais as novas gerações mostram um comportamento de militância e lançamento de tendências. Eles não tem medo do novo, mas sim, sede de conhecimento e estão sempre #conectados. Possuem o poder do saber a um toque e aqueles que não souberem se posicionar, que preferem ficar na zona de conforto em cima do muro, ou a distância, em um pedestal, como antigamente, vão acabar sozinhas em um mar de nuvens.

Para a sua marca não se perder lá nas nuvens, estilo Padre Aldeir e seus mil balões, aqui vão algumas dicas para você criar a persona da sua marca e interagir com seu público.


1.Entenda a sua galera:


Gente, não adianta, vamos repetir isso igual mãe que fala sempre para o filho levar um agasalho quando vai sair. Conhecer o seu público é a melhor maneira para saber interagir, descobrir o que eles gostam e o que eles não gostam. Não dá para você postar um #meme na página da sua marca de alguém comendo uma costela, se a maioria do seu público é simpatizante do #veganismo.


2. Uma imagem vale mais do que mil palavras, atitudes valem mais do que mil imagens!


Não adianta nada escrever uma bela placa de missão, visão e valores no seu escritório e deixar por isso mesmo! Quantos clientes acessam o seu escritório e leem estes dizeres? Sejamos sinceros, quantas vezes você lê?

Muito melhor do que um discurso escrito é uma atitude movida por ele. Viva o seu discurso, ensine-o aos seus funcionários, faça como um princípio de vida.

3. Contrate quem realmente entende a sua visão.


Vocês conhecem um grande e-commerce chamado Zappos.com? A #Zappos é uma empresa mundialmente conhecida pelo atendimento sensacional dos seus funcionários e por sua política de contratação. Após criar seus valores, entendeu que para seu discurso e personalidade chegarem em cada consumidor era necessário que todos aqueles que fazem parte do processo se identificassem com o mesmo. Se não, cedo ou tarde, a pessoa se cansaria de ser o que ela não é realmente. Preste atenção no seu time!


4. Saia da caixinha!



Não se conforme com o que você já tem, a mudança é sempre bem vinda. Nem sempre um método de #trabalho padrão é o correto ou será o que fará de você um funcionário ou empresário bem sucedido. A magia do mercado é conhecer, aprender e adaptar. E a cada adaptação surge uma nova forma revolucionária de gerir uma #empresa, vender ou criar novos #produtos, serviços e #soluções.💡


5. Abra a caixa de pandora!


Passe o conhecimento adiante! Não existe essa história de guarda o ouro, a informação sempre foi poder, mas somada a interação, a troca de culturas e experiências surgem #comunidades, vínculos.

Por esse motivo o #marketingdeconteúdo nunca esteve tão em alta, gerar o conhecimento, o quesito aprender junto, pode criar laços muito maiores do que um parcelamento no cartão de crédito ou um desconto no boleto. E é com este laço, com essa troca de experiências que torna o seu público fiel.


Sabe aquela frase "A felicidade não está no destino, mas sim na jornada"?

Qual a jornada que você está traçando com o seu cliente?


Beijos de luz xovens padawans!


💋💋

27 visualizações
CONTATO
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
  • Agencia Um Limão LinkedIn
  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone Instagram

Barueri - São Paulo , Brasil

© 2030 Agência Um Limão

Segunda a sexta-feira das

09:00 às 18:00